Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Março, 2017

Recomendações para cateteres periféricos, ANVISA 2017

Como é bom divulgar informações para qualificar a assistência! A ANVISA divulgou as Medidas de Prevenção de Infecção Relacionada à Assistência à Saúde, 2017. E estaremos abordando as principais recomendações para Cateteres Periféricos.
Higiene das mãos
Higienizar as mãos antes e após a inserção de cateteres e para qualquer tipo de manipulação dos dispositivos. a) Higienizar as mãos com água e sabonete líquido quando estiverem visivelmente sujas ou contaminadas com sangue e outros fluidos corporais. b) Usar preparação alcoólica para as mãos (60 a 80%) quando as mesmas não estiverem visivelmente sujas. c) O uso de luvas não substitui a necessidade de higiene das mãos.
Seleção do cateter e sítio de inserção
Selecionar o cateter periférico com base no objetivo pretendido, na duração da terapia, na viscosidade do fluido, nos componentes do fluido e nas condições de acesso venoso. Não usar cateteres periféricos para infusão contínua de produtos vesicantes, para nutrição parenteral com mais de…

Salinizar ou Heparinizar cateteres venosos periféricos?

A terapia intravenosa é um importante recurso terapêutico, sendo indicada para a maioria dos pacientes hospitalizados, sendo condição prioritária para o seu atendimento. E um evento frequentemente observado é a obstrução dos cateteres venosos devido à formação de coágulos ou precipitado de fármacos.
Segundo o parecer do COREN-SP, o uso do SF 0,9% para salinização dos cateteres venosos periféricos tem sido muito recomendado para manutenção da permeabilidade e prevenção de complicações decorrentes de associação medicamentosa. Apresentando como vantagem menor custo que a heparinização, além de ser um procedimento mais simples e de eliminar a possibilidade de incompatibilidade com as drogas e soluções administradas. Além disso, elimina o risco de alergia, trombocitopenia e hemorragia.



A heparina interage com a antitrombina, formando um complexo ternário que inativa várias enzimas da coagulação, tais como os fatores da coagulação (II, IX e X) e mais significativamente a trombina. Assim recom…

A importância da Auditoria em Serviços de Saúde

A importância da Auditoria em Serviços de Saúde e o Bom Relacionamento em prol da otimização em processos
De tempos em tempos ouve-se expressões do tipo: Lá vem o Auditor (a)! Ou: Se a Auditoria pegar! Ou ainda: O que eu fiz de errado? Ou mais ainda: A culpa não foi minha!
Devemos encarar todas as equipes como verdadeiros parceiros, caminhamos juntos para o alcance de objetivos únicos, aprendemos todos os dias e não podemos generalizar o perfil de cada profissional, porém, temos certeza de uma coisa: As Equipes de Auditoria da Instituição Hospitalar ou da Operadora devem apurar cada vez mais a qualidade da prestação dos serviços em Saúde, o que é retratada em forma de “prontuário do paciente”.
É muito importante o entendimento das atividades do profissional Auditor, a razão pelo qual necessita de todas as informações contidas em cada página do prontuário, afinal quando se trata de saúde temos na prática que o Atendimento Executado é Atendimento Registrado, assim como determina a Resoluçã…

Princípios de atendimento emergencial

Todos os dias vemos nos noticiários casos de mortes vindas de acidentes que poderiam ser evitados. E uma das coisas que contribuem para estes acontecimentos é a falta de conhecimentos, principalmente coisas básicas que muitas vezes são pequenos detalhes que fazem grande diferença para salvar vidas.
Como estamos na era do conhecimento, saber "um pouco de cada coisa" é sempre bom quando o assunto é salvar vidas.
Devido a isso, saber como proceder um casos de emergências nos motiva á saber mais e nos deixa mais seguros e  confiantes do que se deve ou não fazer em cada caso, tendo a oportunidade de ajudar de forma assertiva em qualquer situação.

Como proceder  inicialmente?
Suponha que ao caminhar

Novo calendário Vacinal 2017

Ministério da Saúde amplia vacinação em todas as faixas etárias
Os postos de saúde de todo o país já estão com o novo calendário de vacinação para 2017. Neste ano, foi ampliado o público-alvo de seis vacinas: tríplice viral, tetra viral, dTpa adulto, HPV, Meningocócica C e hepatite A.
HEPATITE A – A vacina hepatite A passa a ser disponibilizada para crianças até 5 anos de idade. Antes, a idade máxima era até 2 anos. Essa vacina é altamente eficaz, com taxas de soroconversão de 94% a 100%. Em países que adotaram o esquema de vacinação com uma dose, houve controle da incidência da doença, principalmente em creches e instituições semelhantes, proporcionando proteção de rebanho para a população geral. Além disso, estudos também têm demonstrado que, em cerca de 95% dos vacinados, há produção de anticorpos em níveis protetores, quatro semanas após a vacinação com uma dose.



TETRA VIRAL (sarampo, caxumba, rubéola e varicela) – Em 2017, para as crianças, há ampliação da oferta da vacina tetra vi…

Enfermagem do Trabalho

O ambiente competitivo em que as empresas estão inseridas faz com que muitos gestores não detenham suas atenções quanto ao ambiente de trabalho oferecido a seus empregados e consequentemente não percebem os danos a que estão expondo seus funcionários em seu meio de trabalho, ao meio ambiente e às comunidades.
As organizações devem garantir que suas operações e atividades sejam realizadas de maneira segura e saudável para os seus empregados, atendendo aos requisitos legais de saúde e segurança, regidos pela Consolidação das Leis Trabalhistas (CLT) e Normas Regulamentadoras que tratam de Segurança e Saúde ocupacional. Assim, o sistema de gestão atua no comprometimento e atendimento aos requisitos legais e regulatórios, podendo trazer inúmeros benefícios tanto do ponto de vista financeiro quanto do ponto de vista motivacional.
A luta por segurança, higiene e saúde do trabalhador, assuntos estes que vêm sendo discutidos por diversas categorias profissionais, tais como engenharia e segurança…

Nossa “DESUNIÃO, nos causa “DESVALORIZAÇÃO”

É uma triste realidade, nossa categoria é desunida. Eu que vos escrevo não me isento da culpa, também faço parte da equipe de enfermagem e por algumas vezes de uma forma ou de outra já contribui para esta triste realidade.
Somos imediatistas, e muitas vezes nós profissionais, auxiliares, técnicos e enfermeiros nos “pegamos” em determinadas situações que sem medir as consequências acabamos criticando colegas de profissão, aceitamos trabalhar por mísera remuneração, sem privar de ética repercutimos fofocas e notícias que desabonam nossos pares. Em outras palavras, nós mesmos somos os principais responsáveis por “expor” nossa profissão.



Não devemos deixar de lutarmos por nossas melhorias, ter forças para almejar conquistas, afinal somos uma categoria grande e forte, e temos poder de mudar a situação caótica em que nós profissionais da saúde nos encontramos (baixa remuneração, carga horária abusiva e vários empregos, depressão, estresse, dores articulares e emocionais).
Deveríamos nos preocu…

Assistência ao Idoso com demência: Protocolo de Atendimento

Primeiramente, deve ser feita uma avaliação multidimensional global, ser caracterizado o quadro da pessoa idosa e traçado o plano de cuidados. Orientar a família e cuidadores sobre o quadro atual e cuidados necessários.Implementar programa de reabilitação, conforme a realidade, para recuperar as habilidades, desbloquear as funções cognitivas comprometidas, estimular a socialização; e do grupo de apoio familiar é de conscientizar quanto aos sintomas da demência fornecendo esclarecimento e discussão de soluções práticas, resgatar a relação paciente/familiar, prevenir doenças dos cuidadores/familiar (grupo de apoio), redução da interdependência, despertar interesses variados, afetividade, orientação para a realidade, estimular a segurança, preparar para complicações e até óbito entre muitos outros objetivo que por fim auxiliam na melhora da qualidade de vida tanto do paciente como do cuidador/ familiares.Estabelecer as prioridades do tratamento. Conhecer o incômodo que a doença representa…