<data:blog.pageTitle/> <data:blog.pageName/> | Enfermagem a Profissão do Cuidar

Cateterismo Vesical: Masculino e Feminino

Cateterismo Vesical É a introdução de uma sonda estéril através da uretra até a bexiga, com a finalidade de drenar a urina. Deve...


Cateterismo Vesical

É a introdução de uma sonda estéril através da uretra até a bexiga, com a finalidade de drenar a urina. Deve-se utilizar técnica asséptica no procedimento a fim de evitar uma infecção urinária no cliente. Tem por objetivo esvaziar a bexiga dos clientes com retenção urinária, controlar o volume urinário, preparar para as cirurgias principalmente abdominais, promover drenagem urinária dos clientes com incontinência urinária e auxiliar no diagnóstico das lesões traumáticas do trato urinário.



Indicações:

- quando o paciente está impossibilitado de urinar

- colher urina asséptica para exames

- preparo pré-parto, pré-operatório e exames pélvicos (quando indicados)

- incontinência urinária

Material

Bandeja contendo:

- pacote de cateterismo estéril com:

cuba rim

cúpula

pinça kocher

5 gazes dobradas

01 seringa de 20 ml para sondagem feminina com água destilada

02 seringas de 20 ml para sondagem masculina (sendo uma com água destilada e outra com xilocaína (a seringa com xilocaína serve para lubrificar a mucosa da uretra ao introduzir Xilocaína gel e também aliviando a dor na sondagem vesical).

- um pacote de luva estéril

- sonda vesical apropriada estéril

- extensão de sonda mais coletor

- frasco com povidine tópico

- lubrificante (xilocaína gel)

Acessório (quando houver necessidade)

- biombo

- esparadrapo

- agulha de aspiro

Técnica

1- explicar ao paciente o que será feito

2- preparar o material

3- preparar o ambiente

- desocupar a mesa de cabeceira

- cercar a cama com biombo

- fazer lavagem externa

Tudo conforme as condições e necessidades do paciente

4- lavar as mãos

5- colocar a bandeja com o material na mesa de cabeceira

6- abrir o pacote de cateterismo junto ao paciente, despejando o produto para anti-sepsia na cúpula (povidine), com técnica asséptica,

7- abrir o pacote da sonda indicada e colocar junto a cuba rim, sem contaminar

8- colocar o lubrificante sobre uma das gazes do pacote, ou dentro da seringa no caso de ser homem (técnica asséptica).

9- posicionar o paciente. A posição ginecológica para o sexo feminino e decúbito dorsal com as pernas juntas, para o sexo masculino

10- calçar as luvas

11- posicionar o material adequadamente e lubrificar a ponta da sonda com a mão enluvada (feminino). No masculino injeta-se a xilocaína dentro do meato uretral com a seringa.

12- fazer a anti-sepsia com a pinça montada da seguinte forma:

para o sexo feminino:

- separa os pequenos lábios com o polegar e o indicador de uma mão e não retirar a mão até introduzir a sonda

- passar uma gaze molhada no anti-séptico entre os grandes e pequenos lábios do lado distal de cima para baixo em um só movimento (clitóris, uretra, vagina)

- pegar outra gaze e fazer o mesmo do lado proximal

- umedecer a última gaze e passar sobre o meato urinário

para o sexo masculino:

- fazer anti-sepsia na glande com a pinça montada com gaze umedecida no anti-séptico, afastando com o polegar e o indicador da mão esquerda o prepúcio que cobre a glande, por último passar uma gaze com anti-séptico no meato urinário.

13- pegar a sonda com a mão direita e introduzir no meato urinário, deixar a outra extremidade já conectada no coletor e verificar a saída da urina. (Por isso chama-se sistema fechado).


Cuidados importantes

Nos casos de retenção urinária de qualquer origem, quando o objetivo for essencialmente a sondagem de alívio, deve-se antes executar medidas visando estimular a miccção espontânea.

- Irrigar os genitais com água aquecida

- Colocar a bolsa de água quente na região suprapúbica

- Sentar a paciente de sexo feminino sobre a comadre, se não houver contra-indicação.

- Colocar o paciente do sexo masculino em pé, se não houver contra-indicação.

Utilizar sempre os sistema de drenagem fechado estéril.

Em pacientes com sonda Folley, observar os seguintes cuidados:

- Higiene íntima duas vezes ao dia;

- Esvaziar a bolsa de drenagem, pelo menos a cada 6 horas;

- Orientar o paciente para não elevar a bolsa de drenagem a cima do nível da bexiga;





Nome

Auditoria,8,Centro Cirúrgico,20,Dicas de Saúde,13,Doenças,34,Medicamentos,25,Publieditorial,5,Relacionados à Enfermagem,100,Relacionados à Saúde,120,Técnicas de Enfermagem,37,
ltr
item
Enfermagem: Cateterismo Vesical: Masculino e Feminino
Cateterismo Vesical: Masculino e Feminino
https://1.bp.blogspot.com/-2sIPU1GSfoo/XDsmg1OzJaI/AAAAAAAAGu4/YmRtckuwoJ8LznM46BDHXm_J5YlVHdMjgCLcBGAs/s400/cateterismo.jpg
https://1.bp.blogspot.com/-2sIPU1GSfoo/XDsmg1OzJaI/AAAAAAAAGu4/YmRtckuwoJ8LznM46BDHXm_J5YlVHdMjgCLcBGAs/s72-c/cateterismo.jpg
Enfermagem
https://www.enfermagemnovidade.com.br/2014/02/cateterismo-vesical-masculino-e-feminino.html
https://www.enfermagemnovidade.com.br/
https://www.enfermagemnovidade.com.br/
https://www.enfermagemnovidade.com.br/2014/02/cateterismo-vesical-masculino-e-feminino.html
true
7506902372674157562
UTF-8
Carregar todas as postagens Nenhum post encontrado VER TUDO Continuar lendo Responder Cancelar resposta Deletar Por Início PÁGINAS POSTAGENS VER TUDO RECOMENDADO PARA VOCÊ CATEGORIA ARQUIVO BUSCA TODAS AS POSTAGENS Nenhuma postagem encontrada Página Inicial Domingo Segunda Terça Quarta Quinta Sexta Sábado Dom Seg Ter Qua Qui Sex Sáb Janeiro Fevereiro Março Abril Maio Junho Julho Agosto Setembro Outubro Novembro Dezembro Jan Fev Mar Abr Maio Jun Jul Ago Set Oot Nov Dez Aagora 1 minuto atrás $$1$$ minutes ago 1 hora atrás $$1$$ hours ago Ontem $$1$$ days ago $$1$$ weeks ago mais de 5 semanas atrás Seguidores Seguir CONTEÚDO PREMIUM BLOQUEADO PASSO 1: Compartilhe nas redes sociais PASSO 2: Click no link da sua rede social Copiar todo o código Selecionar todo o código Copiado para área de transferência Não pode copiar códigos / textos, pressione [CTRL]+[C] (ou CMD+C no Mac) para copiar