<data:blog.pageTitle/> <data:blog.pageName/> | Enfermagem a Profissão do Cuidar

Interpretação de Eletrocardiograma (ECG)

O profissional de enfermagem é essencial no processo diagnóstico e terapêutico em pacientes com alterações cardiovasculares. Para reali...


O profissional de enfermagem é essencial no processo diagnóstico e terapêutico em pacientes com alterações cardiovasculares. Para realizar a assistência com qualidade técnica é necessário ter embasamento científico, por isso elaboramos um material interessante sobre interpretação de eletrocardiograma (ECG), vamos estudar!

Revisão da anatomia fisiológica do sistema cardiovascular:

A anatomia cardíaca é descrita como um órgão muscular constituído por câmaras (átrios e ventrículos), válvulas (aórtica, pulmonar, mitral e tricúspide), vasos sanguíneos (artérias e veias), sistema de condução (células nodais, feixe de His e fibras de Purkinje), localizado no centro do tórax. A função do coração é bombear sangue para o pulmão (coração direito) e órgãos periféricos (coração esquerdo). Esta função é vital para a homeostase, é a partir do transporte de sangue que nossas células recebem oxigênio e nutrientes necessários para produzir energia e eliminar toxinas, dióxido de carbono, entre outros.


A partir deste conhecimento podemos adentrar no tão esperado assunto: Interpretação de ECG!

O ciclo cardíaco é fator determinante para analisarmos o eletrocardiograma de forma crítica. O bombeamento do coração é constituído por duas fases: diástole (relaxamento) e sístole (contração) este evento mecânico é realizado devido ao processo bioquímico transmitido através do sistema de condução cardíaca (nodo sinoatrial, nodo atrioventricular, feixe de His e fibras de Purkinje) respectivamente. Os impulsos elétricos são conduzidos através do potencial de ação que consiste na distribuição de uma corrente elétrica (íons de sódio, potássio e cálcio) pelo miocárdio através de vias internodais e os ramos do feixe de His e Purkinje que envolvem o miocárdio. Todo este complexo mecanismo é representado através do ECG.



Eletrocardiograma:

O ponto chave para analisarmos um ECG e interpretar o processo fisiopatológico é atentar a dois itens extremamente importantes: Ritmo cardíaco e Frequência cardíaca. Vamos lá!

O ECG é a representação gráfica que disponibiliza informações sobre a atividade elétrica no miocárdio, permite obter o diagnóstico de alterações cardíacas de forma prática e de fácil acesso.

Ritmo cardíaco: é a condução do impulso elétrico no miocárdio. Em estado normal consideramos como ritmo sinusal, em condições fisiopatológicas é descrito como arritmia cardíaca.

Frequência cardíaca: é a quantidade de vezes que ocorre o bombeamento cardíaco.
- Normocardia: 60 a 100 bpm
- Bradicardia: < 60 bpm
- Taquicardia: > 100 bpm

As formas de obter o ECG são por exame diagnóstico e monitoramento cardíaco que disponibiliza informações referentes à função cardiovascular.

Elementos essências:

Derivações: representam a localização anatômica que está sendo apresentada no traçado do ECG, padronizada em precordiais (v1; v2; v3; v4; v5 e v6) e periféricas (DI; DII; DIII; aVR; aVL e aVF).


Principais traçados (ondas, complexos e intervalos):

Onda P: Ocorre a contração atrial.
Complexo QRS: Ocorre a contração ventricular.
Onda T: Ocorre o relaxamento ventricular.
*Onda U: relaxamento ventricular (50 – 90% de ECG), em alguns casos representa quadros de hipopotassemia e hipertensão de acordo com a literatura.
Segmento ST: representa graficamente desde término do complexo QRS até o início da onda T.
 Intervalo PR: medido do início da onda P até o início do complexo QRS.



Com estes dados em mente, o profissional de enfermagem irá determinar dados clínicos a respeito da condição cardíaca do paciente.  


Referencias bibliográficas

SMELTZER, Suzanne C et al. Brunner & Suddarth: Tratado de enfermagem médico-cirúrgica. 12. ed. Rio de Janeiro: Guanabara Koogan, 2014. 1117 p.

IKEGAMI, Marcelo Tetsuo et al. Análise da onda U do eletrocardiograma: Sua presença, características e sua relação com situações clínicas. Rev. Fac. Ciênc. Méd.sorocaba, Sorocaba, v. 1, n. 2, p.45-48, nov. 1999. Disponível em: <http://novo.more.ufsc.br/artigo_revista/inserir_artigo_revista>. Acesso em: 17 jan. 2016.
Nome

Auditoria,8,Centro Cirúrgico,22,Dicas de Saúde,13,Doenças,35,Medicamentos,26,Publieditorial,5,Relacionados à Enfermagem,111,Relacionados à Saúde,121,Técnicas de Enfermagem,37,
ltr
item
Enfermagem: Interpretação de Eletrocardiograma (ECG)
Interpretação de Eletrocardiograma (ECG)
https://1.bp.blogspot.com/-wg8lilQ2UHI/VqKTh3NnqRI/AAAAAAAACn8/9_yyZysT9P0/s1600/eletrocardiograma.jpg
https://1.bp.blogspot.com/-wg8lilQ2UHI/VqKTh3NnqRI/AAAAAAAACn8/9_yyZysT9P0/s72-c/eletrocardiograma.jpg
Enfermagem
https://www.enfermagemnovidade.com.br/2016/01/eletrocardiograma-ecg.html
https://www.enfermagemnovidade.com.br/
https://www.enfermagemnovidade.com.br/
https://www.enfermagemnovidade.com.br/2016/01/eletrocardiograma-ecg.html
true
7506902372674157562
UTF-8
Carregar todas as postagens Nenhum post encontrado VER TUDO Continuar lendo Responder Cancelar resposta Deletar Por Início PÁGINAS POSTAGENS VER TUDO RECOMENDADO PARA VOCÊ CATEGORIA ARQUIVO BUSCA TODAS AS POSTAGENS Nenhuma postagem encontrada Página Inicial Domingo Segunda Terça Quarta Quinta Sexta Sábado Dom Seg Ter Qua Qui Sex Sáb Janeiro Fevereiro Março Abril Maio Junho Julho Agosto Setembro Outubro Novembro Dezembro Jan Fev Mar Abr Maio Jun Jul Ago Set Oot Nov Dez Aagora 1 minuto atrás $$1$$ minutes ago 1 hora atrás $$1$$ hours ago Ontem $$1$$ days ago $$1$$ weeks ago mais de 5 semanas atrás Seguidores Seguir CONTEÚDO PREMIUM BLOQUEADO PASSO 1: Compartilhe nas redes sociais PASSO 2: Click no link da sua rede social Copiar todo o código Selecionar todo o código Copiado para área de transferência Não pode copiar códigos / textos, pressione [CTRL]+[C] (ou CMD+C no Mac) para copiar